• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

12/01/2012

Tres minutos





TRES MINUTOS
( EVERSON RUSSO)

No dia em que eu for
Para um plano mais bonito
Vou deixar as minhas linhas
Num traço infinito
Não chore por mim
Não sinta a minha falta
Pois quando estive aqui
Não me demonstrou amor
Agora que aceitei
Pelo nome a indiferença
Já é tarde, pois não posso
Compartilhar do teu amor
Era tão simples
Era tão natural
Eu queria com disciplina
E o que isso tem de mal?
Agora vou pairando
Pelo ar que você respira
Num encontro casual
É pena ter sido triste
O nosso final.

Visite o blog do autor:

7 COMENTÁRIOS:

✿ chica

LINDO!!!Sempre assim!!! Everson arrasa!!!rs abração,chica

marlene

QUE POEMA MAIS LINDO CHEIO DE AMOR E DE SENTIMENTO,PARABENS AO POETA EVERSON E A VOCE AMIGA QUE SEMPRE NOS OFERECE O QUE HÁ DE MELHOR E ESPECIAL
PARA ALEGRAR OS NOSSOS DIAS
UM GRANDE ABRAÇO AOS DOIS ANNE E EVERSON RUSSO COM CARINHO MARLENE

Tunin

O poema é de uma cor extraordinário, pena que o final foi triste. Faz parte! São só três minutos!
O Everson é o everson.
Abração.

Alexandre Brussolo

Lindo, um poema sensível e escrito do fundo da alma, parabéns e abraços do Alê.

GRAÇA

Anne só hoje é que consegui entrar no teu blog tenho andado e não conseguia até pedi ajuda a Marília para te dizer que não conseguia entar no teus blogs
Queria te ter desejada um Bom Natal com muitas prendinhas e um ano Novo muito bom e esperar que a nossa amizade continue por muitos anos
Beijinhos da Mami e Turrinhas minhas parati e teus peludinhos
Kika

mundo da lua

bonito

meio amargo...

mundo da lua

bonito

meio amargo...

Compartilhe