• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

12/05/2013

Todas as mães


TODAS AS MÃES...







Ser Mãe, ainda jovem foi seu intento,
Rosto suave, olhos cerrados, parece rezar um terço,
Com um sorriso nos lábios, embala o filho no berço,
Seu tesouro, seu amor, seu maior alento...

Mãe, que ampara quando já caminha, seu rebento,
Protegendo seus passinhos ainda incertos,
Mãe, que como santa cuida, entoando um cântico,
Na noite vela seu sono, no dia seus folguedos...

Mãe madura, observando do filho o sucesso,
Muitas vezes pela vida marcada, num mundo adverso,
Coração já remendado, mas, a Ele agradecendo,
Pelo filho criado, seu orgulho, seu universo...

Mãe, que abraça com carinho o filho que não gerou,
Que ao fixar seus olhos, sente que já se apaixonou,
Ao acalentá-lo em seu regaço, Deus já a abençoou,
É a heroína, da vida deste anjo, que a ganhou...

Mãe que já não estás mais aqui, saudades teu filho sente,
Fecho os olhos e te abraço, como melodia, envolvente,
Mãe, beijo teu rosto amado, com carinho, suavemente,
Com a cabeça em teu peito, adormeço, como antigamente,
Rogando ao “Pai”, por este milagre... Eternamente...




Visite a autora:



3 COMENTÁRIOS:

✿ chica

Linda poesia da Lani!! Muito linda! beijos às duas,chica

Toninho

Linda e pomposa homenagem na linda poesia da amiga Lani.
Bom ve-la aqui Anne.
Um abração pra voces.

Zilani Célia

OI ANNE!
DE NOVO EU AQUI?
QUE LUXO, ASSIM VOU ME ACHAR NÉ?
MESMO COM ATRASO MEU ABRAÇO PELO DIA DAS MÃES.
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Compartilhe