• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

12/09/2013

O mundo encantado de Glorinha


O mundo encantado de Glorinha!

(Minéia Pacheco)





Já cansada de viver as mesmas coisas todos os dias, Glorinha, com sua imaginação sem fim resolveu criar um novo mundo, um mundo todo seu, e resolveu chama-lo de: - O mundo encantado de Glorinha!

Em seu mundo ela tinha deixado de ser menina e se tornado numa bela fada, sua casa era um lindo jardim, o sol estava sempre sorrindo para ela e as flores tinha cheirinho de abacaxi. Glorinha amava voar com as borboletas e em seu mundo ela poderia fazer tudo que sempre sonhava fazer pular, cantar e gritar... Sem ninguém por perto para reclamar.

Glorinha comia o que queria, no café da manhã uma bela pizza, no almoço pipoca doce e no jantar batata frita até enjoar. Estava feliz e radiante em um mundinho todo seu, que mais havia de querer? Ali ela era livre, ali ela tinha tudo que queria e não tinha que dar satisfação para ninguém.

Voltou a voar com as borboletas, voltou a cheirar as flores, voltou a sorrir para o sol e sentiu um vazio, por um momento pensou em voltar ao seu mundo normal, era feliz em seu mundo encantado, um sonho para qualquer criança entediada com o dia a dia, mas liberdade demais, às vezes cansa!

E em um piscar de olhos voltou ao seu quarto, a sua casa, para sua família! Estava feliz, mas sabia que seu mundo encantado sempre estaria lá, a sua espera, e claro que ela voltaria para lá ainda muitas vezes, pois no mundo da imaginação todos podemos ir e vir à vontade e não custa nada, pois o mais importante é saber imaginar!



Visite a autora:






7 COMENTÁRIOS:

Daniel Costa

Anne

Podemos dar os parabéns a Minéa Pacheco, pela sua imaginação. Criou o MUNDO ENCANTADO DA GLORINHA, deixando sempre a possibilidade de a personagem, sempre que quera, voltar ao mundo real.
Beijos

✿ chica

LINDA!!!Adoro as histórias da Minéia, sempre bem boladas!! beijos,às duas,chica

Célia Rangel

Um mundo a parte... Como é bom ser criança pura e simples.
Bjs. Célia.

Cristina

Lo interesante de este relato es que invita a salir ese niño que todos llevamos dentro y lograr por instantes apartarnos de las tristezas y las preocupaciones para imaginar un mundo mágico lleno de alegría!

Preciosa entrada, un placer leerte!

Minéia Pacheco

Oi Anne,

Toda criança e muitos "adultos" sonham com um mundo encantando assim!!! =D
Obrigada pelo carinho de sempre, beijão!!!

Gisis

Amei sua história...Como sempre belíssima.Agora o Dudu está alfabetizado e ler sozinho.beijos e mais uma vez PARABÉNS!Giselda

Orvalho do Céu

Olá, querida Anne
Fui visitar a amiga e encontrei um belo post com uma reflexão e tanto!!!
Bjm de paz e bem

Compartilhe