• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

08/05/2014

Falar com o silencio

FALAR COM O SILÊNCIO

(Santa Cruz)



Imagem daqui.


Ah! És tu o silêncio...
Entra, podes entrar;
Aqui não se cobra nada:
Não faço perguntas;
Nem quero amigos, apenas por crer?
Se quiseres relaxar, sonhar,
Viver em sossego e paz!
Podes entrar no meu refúgio;
E desfrutar do meu silêncio.
Se tiveres vontade de gritar...silencie!
Se tiveres vontade de estar em silêncio...
Escuta os sons que dele derivam!
Ah! Deixo que o silêncio me fale...
Que ele prenuncie as suas palavras,
Talvez abstractas, ou disformes;
Inclementes e insensatas...
Mas, eu permito que ele me fale;
Não o faço calar agora...
Não neste momento que me Inquieta:
A minha sensibilidade se aflora?
Deixo que ele me diga tudo.
O que em meu peito reside contudo...
Deixo que ele me fale consciente;
Tudo que há em mim presente.
Silêncio? Mergulho em ti mesmo;
Há em mim um nada e um pouco de tudo...
Mas é, tudo o que acreditei ser:
Silêncio. Que faz de mim,
É o espelhar do meu ser!
Se nada me diz, ou pouco me importo...
Então a ele não abro as minhas portas;
Tenho a sensação exacta de o posso vencer?
Silêncios... Cheios de ecos e de questões...
No presente ele insiste, para que eu o escute;
Ouço o que ele me diz e, se quero ser feliz:
Então nele me recolho e penso.
Silêncio! Silêncio dos meus sonhos;
Silêncio dos meus Amores...
Silêncio! E mais Silêncio:
São os silêncios das minhas dores.



Visite o autor:






10 COMENTÁRIOS:

✿ chica

Muito legal ver o Santa Cruz aqui!abração aos dois,chica

Patrícia Pinna

Bom dia, Anne. Adorei ver o Santa Cruz aqui!
Que linda e profunda poesia, amei!
Vez em quando o silêncio nos acrescenta e ensina, mas em outras vezes, ele causa dor e extremo vazio.
Que venha o silêncio para entendermos um pouco mais de nós, do nosso interior e calar as nossas vozes gritantes que fazem confusão, mas que passe logo o silêncio traduzido em solidão.
Parabéns pela escolha, Anne, e ao poeta pela obra.
Tenham um dia de paz!
Beijos na alma!

Poesia do Bem

Muito lindo o texto, como faz bem o silenciar, o falar apenas dentro da gente , com Deus. Gostei! bjs

Marli Terezinha Andrucho Boldori

Olá, sem palavras para expressar o que senti ao ler e ver a sua postagem.É no silêncio que aprendemos quase tudo sobre tudo. O Silêncio é um presente que Deus nos deu, precisamos saber como usá-lo. tenha um lindo dia. Grande abraço!

Tunin

Nada mais tétrico que se falar com alguém e ela na responder. Silêncio absoluto!
O texto do Santa Cruz é muito profundo e nos leva à meditação.
Abraços, Anne!

Daniel Costa

Anne

Tenho para mim que nada há mais eloquente que o silêncio.
Santa Cruz, intuiu bem a meu ver.
Beijos

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR)

Parabéns ao amigo SantaCruz. Às vezes precisamos mesmo mergulhar em silêncio.

SANTA CRUZ

Anne. O meu muito abrigado e também a todos que fizeram comentários estou sem PC por isso tenho andado fugido alem disso também de vez em quando a minha memória foge para a praia e depois volta, tenho andado com uns problemas de falta de memória.
Beijos e bom fim de semana,
Santa Cruz

Beatriz Bragança

Querida Anne
Obrigada pela referência:Santa Cruz! Alguém que muito aprecia o silêncio!
Obrigada por partilhar.
Um beijinho
Beatriz

Ana Paula

Anne fazia tempo que não chegava neste teu cantinho tão especial! Hoje já passeei pelos autores recomendados, a tua sugestão de romance e venho agora nesta belíssima postagem com o Santa Cruz que nos presenteia com este silêncio tão escasso em nossos dias.
beijo!

Compartilhe