• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

17/08/2011

Meus passos





( Antonio Campos)



Passo...
e meu passo
não tem o mesmo compasso

meu corpo então só
perdeu teu abraço

sentimentos e laços
vagam pelo espaço
como aves a procura do ninho

nesse inverno frio sentimento vazio

uma pandorga
outorga ao menino
a procura solitária
por seu destino

passos...
e meus passos
perdem-se no espaço.

Cliquem no link e visitem o blog do autor:



5 COMENTÁRIOS:

Antonio Campos

Grato a esse recanto
onde canto e me encanto
em linhas escritas em compasso
em silêncio braços e abraços me enlaçam passam dias noites e luz
agradeço-te pai e ao irmão Jesus.

Orvalho do Céu

Olá,
Que lindo isso:
"como aves a procura do ninho"...
Abraços fraternos de paz

LUCONI

Antonio teu poema é belo e tem um que de nostalgia, a necessidade se seguir sem saber certo a direção, adorei vou te visitar em tua casa, beijos Luconi

RECANTO DOS AUTORES

Antonio que versos lindo, parabéns!Dora Duarte

Sônia Silvino

O Antônio é um amigo querido que tive o prazer de conhecer pessoalmente.
Um grande poeta!
Beijos aos dois!

Compartilhe