• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

03/05/2012

Voluvel






( Carlos Soares)





Volúvel é o tempo com seus contratempos.
Volúvel é o sentimento que muda a todo momento.
Volúvel é o pensamento que parou de pensar porque pensou que não podia pensar.
Volúvel é o rio com suas águas turvas.
Volúvel é o vento que se perde na primeira curva
e não sabe se voltará furacão ou brisa.
Volúvel é a saudade que não tem hora precisa.
Volúvel são as estrelas que mudam de lugar
confundindo meu olhar, 
Mas mais volúvel é a lua que muda de fase a cada semana,
ela pensa que me engana,
foi amar outro poeta por aí,
fiz dela tanto uma musa
ela chega, me abusa, me deixa aqui
e vai amar em outro céu.
Uma noite sem lua é um escuro véu.
Tudo tem início, meio e fim.
Se tudo é volúvel, imagine as pessoas,
mas nem tudo que é volúvel é ruim,
existem coisas volúveis que são boas,
assim como, o botãozinho que vira flor.
Volúvel, só não é o poeta
que sempre acredita no amor.


Visite o autor em seu blog:

Carlos Soares




4 COMENTÁRIOS:

LUCONI

Anne gosto muito do Carlos Soares, lindo poema, beijos Luconi

✿ chica

Muito ligal essa queixa do Carlos! abração aos dois,chica

Verinha

La donna e mobile,e o tempo também.Abraços de luz

Rita

Muito bonito esse poema
o escritor é maravilhoso
Gostei como sempre
Bjuss Rita!!1

Compartilhe