• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

12/06/2012

O real valor das coisas









O REAL VALOR DAS COISAS

( MARINEIDE DAN RIBEIRO)

Olá pessoas interessantes!

As vezes me pego pensando se, realmente sabemos o valor correto das coisas, e quais são as  necessidades mais prementes do ser humano?

Me lembro de ter lido uma história que servirá de exemplo ao nosso tema de hoje:

Certa ocasião, em uma loja tradicional de departamentos, houve uma forte ventania, e o vento entrou pelas janelas (que o gerente havia deixado abertas), assoprando grande quantidade de etiquetas de preços que estavam prontas e ainda não haviam sido colocadas nas mercadorias. Isto fez com que  as mesmas fossem pousar em diversos artigos da loja de forma desordenada.

No dia seguinte, os clientes ficaram muito surpresos ao encontrar um simples par de  meias a $49,90,  um par de sapartos de couro por apenas $1,99, assim como, um cachecol a $1.290,90!

E a loja de departamentos de nossa vida, como a temos organizado?
Aonde temos atribuímos valores exorbitantes e quais os artigos não temos valorizado?
As pessoas que nos conhecem, que conosco convivem constantemente, encontram tudo em ordem ou a ventania da incredulidade tem feito trocas suas trocas absurdas?

Será que temos atribuído preços muito elevados às coisas materiais, incertas e efemeras  ou, estamos valorizando  o lado espiritual, crendo que ao lado de Deus todas as coisas são acrescentadas?

Quando abrimos nossos corações e deixamos o Senhor nos dirigir, então podemos descansar e confiar que as bênçãos virão na hora certa e da forma como deve ser feitas.

Quando nos apegamos às coisas desse mundo, perdemos o real valor das coisas importantes para nossa felicidade e supervalorizamos aquilo que não tem nenhum valor.
Precisamos parar de viver como se as etiquetas de preços estivessem trocadas!
Por diversas vezes atribuímos valores e damos uma importância maior  a coisas materias que nos dão apenas e tão somente  felicidade momentânea, mas que não acrescentam aprendizado algum a nossa alma...
Saiba que o valor maior esta em Deus, e nas ações e atitudes que temos diante do próximo.

Esta na hora de rever o real valor das coisas em nossa vida, pois, as vezes o que tem um preço alto não vale nada e o que não tem preço algum vale muito mais.


Um grande beijo!


Visite a autora:


Marineide Dan


7 COMENTÁRIOS:

Toninhobira

Muito feliz a Marcia nesta abordagem que voce belamente generosamente nos oferece,para uma reflexão sobre o que realmente estamos colocando no prato da balança.Uma sociedade onde os valores tem sido questionados a todo momento,precisa reavaliar as mercadorias que estamos adquirindo e ou deixando de adquirir.Coisas faceis e simples como cordialidade,gentileza,estão ficando fora do prato e o preço final tem sido alto por demais.Há como reverter desde que todos exercitem o parar para pensar.
Parabens Marcia seu texto ficou perfeito.
Um duplo abraço de admiração com muita paz e luz em cada dia.

✿ chica

MUito lindo e tema importante de ser pensado...beijos,chica

Lita

Amei o texto.
Beijinho
Lita

Lita

Amei o texto.
Beijinho
Lita

Rita

Nessa terça feira 12 de Junho é um
dia especial, para os eternos namorados
Desejo a vc um dia feliz com todo amor
que vc merece.
Fotos , imagens,textos poesias, deixa a vida
mai bela.. por isso vim deixar meu abraço
com todo Nessa terça feira 12 de Junho é um
dia especial, para os eternos namorados
Desejo a vc um dia feliz com todo amor
que vc merece.
Fotos , imagens,textos poesias, deixa a vida
mai bela.. por isso vim deixar meu abraço
com todo meu carinho
Felicidade hoje e sempre
Bjusss
Rita!!!!!meu carinho
Felicidade hoje e sempre
Bjusss
Rita!!!!!

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR)

Ótimo! Gostei muito. As pessoas são infelizes ou incompletas porque têm a mania de personificar, de materializar a felicidade, como se ser feliz fosse ter um carro novo, uma viagem à Europa, a roupa da moda etc, quando felicidade é algo de dentro, é paz interior, é consciência tranquila, é estado de espirito, é o abraço, o aperto de mão. Beijos.

Ana Bailune

Excelente... eu sou assim: amo tudo que tenho, mas nada me tem.

Compartilhe