• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

18/08/2012

Recanto entrevista Tunin



RECANTO ENTREVISTA TUNIN
( Anne Lieri)

Tunin, onde vc nasceu e onde mora hoje?



Nasci em Santa Inês, uma cidadezinha do sertão baiano. Hoje resido em Ilhéus-Bahia.



Conte um pouquinho de sua família e de sua infância para nossos leitores.

Sou filho de um funcionário público municipal e mãe dona de casa.
Do primeiro casamento de meu pai, nasceram 12 filhos e do segundo, nasceram 03. Fiz uma poesia falando sobre isto. (Éramos três). 
continue lendo...



Éramos três irmãos
De um mesmo casamento.
Davamo-nos as mãos,
Num só sentimento.

Dois meninos e uma menina,
Um trio grandioso!
Ela era a heroína,
Desse laço afetuoso.

Maria Odete, a primeira.
Antonio Roberto, logo veio.
Joaquim Manoel, o derradeiro.
Três corações, um só devaneio!


Não crescemos juntos
Porque Odete fora levada ao céu,
Assim desfez-se o conjunto,
E rasgou-se uma parte do véu.

Ficaram  os dois garotos.
Expectativa da família dor.
Eram como se fossem brotos,
Da árvore que perdeu sua flor.

O tempo rápido passou,
Nova dor na família se instalou,
Foi Joaquim Manoel que voou
E na glória residência fixou.

Hoje me vem à lembrança,
Aqueles rostinhos amados.
Solitário a vida me alcança,
Sem os meus irmãos alados.


Além desses, tenho outra irmã de um relacionamento fortuito que meu pai tivera, mas a amo demais e é a única com quem mantenho interação constante.

Minha infância, apesar de ter uma mãe dominadora, foi muito boa. Meu pai contornava todas as situações. Fiz tudo o que criança gosta de fazer. 

Subir em árvores, cair delas, jogar pedra na vidraça. Amava “roubar” frutas, juntamente com a molecada, do quintal dos outros. Caçar passarinho, perseguir lagartixa, colocar cinza em sapo. Brincar de cabra-cega e ir pular no parquinho, que tinha no centro da cidade no fundo da prefeitura, escondido da mãe. E quando ela (a mãe) descobria, levava uma surra.

Quando chovia (era raro), fazia barquinho e navegava na enxurrada, ou então, lançava os barquinhos numa bacia de barro no fundo do quintal, e era um divertimento.

Esta minha cidade não tinha luz elétrica e nas noites enluaradas juntava toda a meninada para correr picula (pega-pega) e ouvir historinhas que os mais velhos contavam. Tinha cada história, Anne, de fazer criança arrepiar!

Isso é que é infância!...rss..O que significa ser escritor prá vc? É uma profissão, um dom, uma diversão...o que é? Tem planos de escrever um livro?

É brincar com as letras e fazer dessa brincadeira uma diversão cultural.
Tenho planos, sim, de escrever um livro. A oportunidade ainda não surgiu. Há muitos obstáculos, como por exemplo, os custos. Antes de daqui partir, quero deixar registrada alguma coisa que vivi.


Fale sobre seu blog: como surgiu, o que gosta de escrever, o que acha da blogosfera e deixe um link para nossos leitores.

Garimpando pela net, deparei-me com um blog e achei interessante aquela maneira de expressão virtual. Aí senti o desejo de montar um. Vieram os entraves de como postar, de como fazer uma coisa que fosse legal, pois não tenho muita intimidade com essa coisa de mexer, mexer e colocar, vídeos, links, etc. A coisa foi fluindo e aí está o filhote que tanto amo e que agradeço a paciência e os carinhos de meus fiéis seguidores.
Sou eclético na escrita. Gosto de escrever o que vem à memória.

O link é: Tunin





Musica preferida.
O Bêbado e o Equilibrista do João Bosco, na voz de Elis Regina. Esta música muito me marcou quando a ouvia nos tempos de vestibular para economia. O bêbado tipificando todos aqueles que tiveram a coragem de levantar a sua voz em plena época da repressão.




Cor preferida.
A azul.



Animal preferido.
O cavalo. Este para mim é um animal másculo, elegante e amigo, além de nos levar para cavalgar. Que é uma delícia!





Lugar preferido.

Meu querido e amado RIO DE JANEIRO.



Uma frase para nossos leitores.

O confiar no Senhor Jesus faz com que os nossos planos sejam vitoriosos.


Muito obrigada, Tunin. pela gentileza de sua entrevista. Sabe que admiro demais o seu blog e você é um ser humano especial, querido de todos os blogueiros e das crianças também!


Muita coisa boa em sua vida!


Beijos da Anne!


Obrigado, Anne, pela preciosa oportunidade.
Beijos.

15 COMENTÁRIOS:

✿ chica

Que coisa legal ver TUNIN aqui e adorei saber mais detalhes. Sabia dos irmãos pois havia lido a poesia e pelas poesias, vê-se que ele aproveitou suas brincadeiras de criança ao máximo.


Só imagino a criançada à noite, sem luz...
Linda entrevista e deixo parabéns aos dois!! Adorei!! beijos,chica

Aleatoriamente


Tuninho, foi muito bom saber mais um pouco de ti, que conheci nesse mundo dos sentimentos exposto.(Escrita).

O bom da vida é olhar para trás, e ter coisas que nos emocione né amigo? Amei as tuas brincadeiras de criança rsrsr.

Gostamos do azul.Eu tbm sou apaixonada por ele.

A fé é uma base um sentimento bonito, e faz parte da vida da gente.Você é um ser humano muito legal que eu admiro muito. Pelas tuas poesias, e por deixar nelas a tua sensibilidade, e encanto aos olhos de quem ler.

Parabéns Anne por sua entrevista, e pela a escolha do entrevistado.
Beijãos aos dois queridos.

Elisa Zambenedetti

Amoravelmente escrito em verso a história da tua vida, Tunin.
Parabéns Anne, pela entrevista!
Beijos a ambos.

Tunin

Anne, você mexeu com a minha sensibilidade. Li toda a entrevista chorando a emoção do teu bem postar. Cada emoção por mim vivida tu colocaste no lugar devido.
O que mais dizer? Só agradecer o teu imenso amor e carinho que dispensa aos teus amigos virtuais.
Aplausos para ti, minha querida amiga!
Beijos.

Edilene

Excelente a entrevista! Adorei conhecer melhor o Tunin, linda história! Admiro muito o jeito especial como ele escreve! Beijos Anne, parabéns!

Daniel Costa

Anne Lieri

O incansável baiano tunin, poeta por excelência deixou revelar-se mais aqui.
Um abraço para ele, beijos para ti

Elisa T. Campos

Anne

Adorei conhecer mais de Tunin, um poeta que admiro muito.
E você sempre amorosa compartilha com todos essa alegria.

Um lindo dia para você.
Beijos.

ANTONIO RUBILAR BARBOSA VALENTE

Amiga Anne!!!
Estamos empatados!!!Também gostei muito do seu espaço e já estou ficando por aqui.Gostei de tudo o que vi, e do nosso amigo Tunin, gostei muito de poder conhecer um pouco mais da vida dele.É um amigo todo especial, que também foi agraciado por um mimo quando de meu primeiro níver do meu blog em junho. Parabéns pelo espaço, é dez!Tenha um ótimo fds,beijos, Rubi.

Rita

Querida que lindo ver aqui uma pessoa que amo muito ,mesmo sem conhece-lo, já faz parte um pouco do meu dia-a dia, tem amizade que a gente guarda dentro do coração para sempre
Tunin que Deus continue te dando sabedoria, e que vc consiga publicar um livro...Avisa que quero ler
Se cuida, pois adoro quando vem me visitar
Abraços de bom final de semana
Bjuss
Rita!!!!

Toninhobira

Bom reviver com o Tunin estes seus momentos de bela infancia feliz.O Tunin é dos nossos,gente como a gente, que pisou no chão e sentiu o calor da terra.
Parabens Anne pelo espaço sempre interessante e cultural.
Meu terno abraço.
Bjo.

Carla Fernanda

Adorei saber mais, conhecer mais meu amigo Tunin. Uma vida parecida com a minha, uma infância de verdade.
Tunin meu beijo para vc!!

Parabéns Anne pela iniciativa!!!

Carla Fernanda

Muito linda a história do meu amigo!!!

Profª Lourdes

Olá amiga anne! Passei para desejar uma linda tarde de Domingo e um início de semana com muita saúde, paz e sucesso. Quero dizer que neste mundo de blogueiras ( os) foi maravilhoso te encontrar porque para ser amigos(as) mesmo com a telinha nos separando é possível. Como diz Ralph Waldo Emerson)
A glória da amizade não é a mão estendida, nem o sorriso carinhoso, nem mesmo a delícia da companhia. “É a inspiração espiritual que vem quando você descobre que alguém acredita e confia em você.” Abraços fica com Deus.

Vera Lúcia


Olá Anne,

Vi um comentário seu no blog do Tunin que mencionava a entrevista com ele e vim conferir. Adorei a oportunidade de conhecer um pouco mais da história deste querido e gentil amigo virtual.

Beijo aos dois.

LUCONI

Agora levanto para te aplaudir minha amiga, eu adoro o Tunin, é um poeta maravilhoso, deixa sua alma livre para expor o sentimento do momento, e pelas suas poesias percebe-se um ser humano incrível, bravos amiga e parabéns a Tunin amei, beijos Luconi

Compartilhe