• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

19/03/2013

Amigo


Amigo
(Ives Vietro)


A música é a magia que alimenta o espírito de belezas superiores, e não há no mundo quem não queira viajar nas ondas sonoras de uma poesia cantada, revelada nas profundidades do amor, lá na casinha perdida, ao lado do lago poético, onde o ser iluminado marcou a pele sedenta, deixando traços tão profundos que somente os dois poderão rever, reaver, a velha canção. E ontem eu fui assustado, surpreendido pelas notas da paixão.
continue lendo...

Enquanto meu amigo falava sobre uma pessoa que passou pela minha vida, avistei o poço profundo. Eu podia ver além,  que nas entrelinhas da vida deixara uma rastro de sangue ao atingir o coração de tão bela menina em flor, de amor. A canção passou a ser de uma pressão insuportável, não entendia a qual universo o anjo de luz queria que eu olhasse, se aquele que se abria no horizonte das minhas lembranças machucadas, ou ao meu amigo verdadeiro que tocou em minha alma a poder sentir a que dores eu levei a uma pessoa que amei e não me aprofundei. Fiquei velho, sem força, chão, não, preciso doar aos meus pés a distância necessária a não causar mais dano a ninguém. Preciso aprender que ficar sozinho é um grande passo a ouvir os sutilezas do meu coração, e aprender que na vida, devemos entrar no universo do amor com muito mais respeito do que acreditamos ter. E a vida de quem escreve e se expõem como eu, não é nada simples, pois as pessoas que entram neste espaço, sempre acabam usando meu coração aberto. Mas lá, na abertura do universo em flores, tocado pela canção profunda, recebi da mãe natureza a lição poderosa: a pessoa nos ama e fica encantada com as nossas flores abertas, doa proteção amor e emoção. Perdi, e voltei ao meu amigo que mal sabe da gentileza que me fez! abraços


Visite o autor: Ives


6 COMENTÁRIOS:

✿ chica

Ives e seus lindos textos, sempre assim! abração, tudo de bom, chica

Daniel Costa

Boa tarde Anne

Rítmica prosa poética de Ives.
Li com muito gosto e encantado.
Parabén ao Ives e beijo, para ti

Nadja

Anne,

Lindo tanto quanto o nome Ives!

Parabéns!

Bjksss

Lita

Lindo texto. Vou fazer uma visitinha ao Ives.
Beijos
Lita

Ana Miranda

Uau, Anne!!!

Que texto forte!!!

E o Ives tem razão, pessoas que escrevem expõem seu coração, suas dores, seus amores...

Lindo, adorei!!!

Sônia Silvino (Crazy about Blogs)

Muito intenso! Lindo!
Beijocas!

Compartilhe