• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

14/06/2013

E eu a flutuar...

E eu a flutuar...

()




são nos pensamentos flutuantes que consigo voar,
porque sou feita de ar e nele tudo me cabe,
por muito tempo tentei segurar
aquilo que pensava,
mas descobri,já cansada,
que não consigo segurar nada com as mãos,
meus sentimentos também flutuam,
voam em volta de mim,
percorrem minhas veias,
assopram meus cabelos
fazendo vento em meu rosto,
batendo minhas asas,
o vento é tanto que preciso fechar meus olhos
e é nessa hora que sinto no ar
o cheiro da esperança,
sinto o meu coração
transbordante de você,
sinto então,ao meu entorno o amor ,
o amor da vida
com riqueza de detalhes
flutuando assim, pertinho de mim,
e tudo se torna  tranquilidade
e meus olhos começam a sorrir,
sei que continuo a voar ao sabor do vento
carregado de sentimentos esperando o tempo passar,
faço do vento meu amigo
e do ar o meu doce lar...

Visite a autora:


7 COMENTÁRIOS:

Jessiiiih =)

lindoo aquii

✿ chica

Lindo e Rô é sempre bem inspirada! beijos às duas,chica

Vida & Plenitude

Bonito poema, bem criativo e leve...

Um abraço para Rô e outro grandão p você, Anne...

Um fim de semana "flutuante" p a gente...

Fernanda Oliveira

Maravilhosa escolha amiga Anne!
Parabéns a autora.
Beijos!
Fernanda Oliveira

ALUISIO CAVALCANTE JR

Querida amiga

Este belo poema
da amiga Rô,
nos deixa com
uma incrível
vontade de voar...

Que haja sempre em teu coração
um motivo para sonhar a cada dia.

Orvalho do Céu

Olá, meninas
É tão lindo a gente elevar a alma com poemas leves e que,literalmente, nos dão margem a isso!!!
Seja muito feliz e abençoada!!!
Bjm de paz e bem

Maria Luiza

Que bacana, Anne, o poema da Rô. Ela escreve deliciosamente bem! Beijo a ambas! Lindo final de semana!

Compartilhe