• Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Anne Lieri

  • Evanir Garcia

  • Jonas Sanches

  • Franciangela

  • Nato Matos

25/11/2010

Vou



VOU
( Maria Sorrisos)


Vou, de asa caída
pelos beirais da vida...
Vou! Sem entrar, estou de saída
sem eira nem beira
pouso ou guarida.
Vou na senda da magia
trazendo comigo uma realidade
sombria, podre, fugidia.
Procuro um prado verdejante
onde possa parar por um instante
curar a asa ferida,
o coração partido...
Dar sentido à minha vida!

Maria Sorrrisos


* o blog da autora foi desativado motivo pelo qual não postei seu link.

4 COMENTÁRIOS:

Chica

Que coisa linda.

Fui lá e adorei o blog!Lindo tudo!

beijos,tudo de bom,chica

Maria Sorrisos

Olá meus amigos é uma grande honra ter o meu poema aqui no vosso blog. Agradeço de coração esta acção, fiquei emocionada. Muito e muito obrigado. Um grande beijinho a todos os autores e a todos os amigos que por aqui passam. Obrigado.

Isabelle Câmara

Seja bem-vinda, Maria! Anne é muito carinhosa com todos nós!

Sônia Silvino

O coração de um poeta é recheado de emoções e de encantamentos. Muito lindo!
Beijos!

Compartilhe